quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Salada de Repolho com Romã ou Salada Marco Polo

                                          Esta Foto é de Lia Scorsi, que fez salada com manga.  

Esta salada foi minha cunhada Beatriz, irmã da Iara, que é médica em Elói Mendes (MG) e excelente cozinheira criou, com as coisas que encontrou na geladeira. Ela estava em Búzios ou Cabo Frio, não lembro agora (ter mais de sessenta tem dessas coisas, a gente esquece) passando  uns dias com a filharada e uma irma (Leonor)  também com filharada  e foi fazer o almoço. Na hora de pensar na salada encontrou na geladeira repolho, romã e manga que havia colhido na chácara e levado junto com toda a tralha que se leva para a praia.  Não teve dúvida, resolveu  experimentar  fazer uma salada e não deu outra, ficou uma maravilha. Ela passou a receita pra gente uma vez que fomos visitá-la em Elói Mendes e daí em diante virou sucesso aqui em casa também.  A gente aqui fez uma adaptação, depois eu conto, primeiro vamos à receita.

Repolho picado (melhor pra isto é o mini-repolho branco)
Romã bem madura
Laranja
Sal
Azeite de oliva
1 pitada de pimenta  do reino moída
1 pitada de vinagre de boa qualidade

Pique o repolho muito fino, lave e deixe na água por uma hora para ele hidratar. Depois disso escorra muito bem. Descasque uma laranja e retire as peles dos gomos. Debulhe a roma sobre um prato para aproveitar o líquido que cair. Coloque o repolho numa saladeira, coloque o sal, a pimenta, o azeite de oliva,  o caldo da romã que caiu e vinagre se quiser. Tenha muito cuidado com o vinagre para a salada não ficar muito ácida.Coloque parte dos gomos da laranja em pedaços e parte dos grãos de romã. Misture e prove o tempero. Salpique por cima o restante dos gomos de laranja em pedaços e as sementes de romã. 

A modificação a que me referi acima é a substituição da manga por laranja sugerida pela Lígia. Lígia é uma grande e queridíssima amiga nossa desde os anos 70, quando fazíamos mestrado em Campinas e desde os 80 é professora aqui na UFPR. Sabe de cozinha como pouca gente e de linguística também. Manga ou laranja, qualquer uma vai muito bem nesta salada.  Ah! o nome também foi a Lígia que deu.
Fizemos esta salada no jantar do Ano Novo por conta da romã e ficamos mais uma vez maravilhados com esta invenção tão simples da Beatriz. Estavam com a gente, Lígia que sugeriu trocar manga por laranja e Lu, outra amiga queridíssima desde sempre, que é professora na Medicina da UNESP de Botucatu. Além dessa salada comemos um belo peito de pato com batata caramelada e pure de maçã. Foi uma ótima noite de Ano Novo, com direito a espumante e uma excelente torta de maçã verde que a Iara fez. Claro não podia faltar frutas frescas e uma castanha portuguesa passada na manteiga com sálvia. Mas isso é uma outra delícia que fica para ser postada outra hora, receita de Dona Lala, mãe da Lígia.
Esta receita é para minha amiga  Lia Scorsi, que conheço muito do facebook  e que tem coragem de fazer   as comidas que posto aqui. Outro dia ela me mandou uma foto do Muqueca com Banana da Terra que ela fez e  pela foto deve ter ficado uma beleza. Lia, esta receita é pra você, quando fizer me diga se você gostou.

2 comentários:

  1. Além da bela imagem, temos a fluidez da escrita que torna qualquer receita mais gostosa. Ótimo o comentário! Você deve ter visto a linda romã, em foto, que postei da bandeja de frutas. Ainda tenho uma sobra que vou aproveitar nessa criativa salada. Obrigada pelas deliciosas receitas. Abraço.

    ResponderExcluir
  2. Lia,
    obrigado por sua carinhosa atenção

    ResponderExcluir